Tema: A loucura de Deus
Texto Áureo: 1 Corintios 1.18; 28

Introdução: Qualquer professor lhe dirá que educação começa não com lições e discursos, mas com interação com o aluno. As classes não são realmente boas até que o professor tenha estimulado suficientemente o aluno para o ponto em que ele comece a fazer perguntas sobre o assunto estudado. Com as mãos levantadas, ele pergunta ao professor, por que? Então o processo de explicação começa.

Antes de você conhece-lo você terá um dialogo sério pela frente, totalmente centrado na inquisição, por que? A medida que o professor explica, ele estabelece um relacionamento com o aluno. O professor sabe que ele tem o aluno na palma de suas mãos. Se ele pode fazer você perguntar, ele motivou você. Quando você pergunta por que, você está dizendo, “eu estou interessado no que você está fazendo”. Neste exato momento o professor tem engajado você não apenas no processo de educação, mas no processo de aprendizagem pela experiência. Deste ponto em diante, o processo se torna uma troca. Essa troca ajudará o aluno a se tornar um professor e a ensinar a outras pessoas. Isto é o que Deus deseja e quer compartilhar com os seus discípulos. Deus quer que seus discípulos tenham diálogos íntimos com  Ele. Deus procura andar e comunicar conosco. Talvez esta tenha sido a principal razão Dele ter enviado o Espírito Santo: para comunicar com o homem para que este descubra o propósito para a sua vida. Ai começa o método que para nós parece loucura, mas que está totalmente sob controle. Veremos a seguir:

I . Todas as coisas contribuem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito (Romanos 8.28)
Quando olhamos para o curso de nossas vidas, as vezes aparenta ser um caminho caótico. O curso dele parece não ter direção certa. Sim, até mesmo cristãos questionam o significado da vida. As coisas que Deus faz em nossas vidas, e os incidentes e situações que em algumas instâncias parecem ser uma coincidência ou um cenário feito por um louco que tem prazer em ver  as pessoas sofrerem ou viverem em desespero. Mas com Deus isto não é o caso. Existe uma razão para tudo. Existe uma resposta para a questão, solução para toda confusão e calma para o caos. Há um proposito para tudo debaixo do sol, um método para a loucura.

Compreender o propósito de Deus nos ajuda a entender as perplexidades da vida. Jesus conhecia bem o propósito de Deus para a sua vida e isto fazia que Ele não tivesse medo de pronunciar a verdade. Ele veio para destruir as obras do diabo, e não para ser destruído por elas. Quando você conhece o seu propósito, você não se sentará e possivelmente permitirá que coisas contrárias ao propósito e visão de Deus aconteçam em sua vida. Nem tão rapidamente ficará desencorajado quando situações trazerem conflitos e desordem para sua vida. Você sabe que todas as coisas trabalham para o teu bem. Você não ficará frustrado com as coisas que você não consegue vencer no momento, porque você sabe que se elas estão em sua vida é porque Deus permitiu para usá-las para transformar você na imagem de Cristo. Ele te trará para o propósito que você foi criado. Todas as coisas, não apenas algumas, trabalham juntas para aqueles que amam ao Senhor. Não interessa a cor dos olhos, a condição financeira ou até mesmo a situação em que se deu o seu nascimento.Você é projeto de Deus e Ele tem algo especial para fazer que somente você com as suas particularidades é capaz de realizar. Se prepare para o fogo e deixe Ele te usar.

II. Deus anuncia o fim desde o princípio, e desde, a antiguidade as coisas que ainda não sucederam (Isaías 46. 9.10)
Espere um minuto, Deus esta dizendo que Ele declara o fim do princípio. Isto é de trás para frente. É fora de ordem. Eu nunca vi uma pessoa contar uma história começando do fim para depois chegar ao princípio. Deus está dizendo: eu farei de trás para frente para você. Eu não começarei na fundação. Eu inverto a ordem. Eu começo pelo fim, e então, eu volto e começo a trabalhar no início para fazer o início trabalhar para o fim. Deus diz: eu estabeleço um propósito e então os procedimentos.. eu coloco a vitória no céu, então começo a trabalhar na terra e a movo para cima. Eu verifico se tudo está conforme o meu propósito e meu plano. Minha vontade e minha maneira. É por isso que Deus não fica nervoso quando você fica nervoso, porque ele estabeleceu sua vitória do fim para o principio. Deus sabe que você irá vencer porque Ele já conhece o fim.

III. Construído para ser uma habitação de Deus (Efésios 2.19;22)
Deus prepara o nosso fim e depois inverte a situação e começa a trabalhar no nosso início. Ele nos prepara e nos instrui para preenchermos completamente o propósito Dele para a nossa vida. Da mesma forma que nós construimos uma casa, Deus trabalha o seu propósito em nós. Primeiro um arquiteto precisa  fazer uma planta, somente depois a casa é construída. Da mesma forma, Deus ao realizar o seu propósito, primeiro ele o estabelece, e depois, começa a executá-lo. Todos nós sabemos que Deus não está construindo apenas uma casa, ele está construindo uma casa de glória. Parece loucura um Deus tão grande escolher pessoas como nós para sermos habitação Dele. Mas isto está no seu plano desde o início e assim será. Somos habitação de Deus e cumpriremos o nosso propósito.

IV. Deus chama as coisas que ainda não existem como se já existissem (Romanos 4.16.17)
Deus chamou a Moisés sobre o Monte Sinai e lhe disse: eu te mostrarei o meu propósito:  Arão, seu irmão, está lá embaixo e eu quero  que ele seja sacerdote diante de mim.  Eu ungirei a ele para que possa entrar e sair da minha presença. Quando Deus fala isso a Moisés, Arão não estava neste estado perfeito, pelo contrário, ele estava ao pé do Monte trabalhando no seu início. Se você fosse julgar pelo início de Arão, você não acreditaria na promessa que foi feita a ele. Ele estava no pé do Monte  adorando um bezerro de ouro. Ele era um idólatra. Quando Moisés desceu do Monte, ele começou a construir Arão, exortando a ele para aquilo que ele era e para aquilo que Deus queria que ele fosse. Moisés tinha a revelação de Deus. Então ele trabalhou com Arão e o incentivou a tornar aquilo que Deus queria. Foi assim com Davi. Foi assim com José. E, com certeza é assim comigo e com você. Não importa o que você tenha feito. Não importa se você falhou ou se a sua vida neste momento está um pouco desarrumada. Não importa  o quanto você tenha sofrido ou quantas vezes você tenha desistido. A graça de Deus é suficiente. Ela te capacitará para ser vitorioso e para completar a sua jornada. Quando você alcançar o que Deus declarou que você é, você mostrará ao mundo o quão glorioso Ele é.  Lembre-se que Deus chama as coisas que não são como se a fossem. Ainda que você não esteja vendo agora o fim de glória que ele já preparou, creia que ele já existe e ao seu tempo virá. Deus pode todas as coisas.

Conclusão: Deus trabalha com coisas que agente não compreende. Muitas vezes determinadas situações que parecem ser para perda ou frustração, são apenas oportunidades que Ele coloca em nosso caminho para aguçar o nosso entendimento e a nossa perspectiva. Todas elas contribuem para o bem dos que amam a Deus. Ele tem um propósito e o começa do fim para o começo e isto nos deixa perplexo as vezes, porém enquanto estamos em nossa perplexidade tentando entender o porque dos acontecimentos, Ele está tranquilo pois já sabe o final de tudo. Seus planos não podem falhar, pois Ele traz a existência o que ainda não existe. Talvez ao olhar para a sua história, você não esteja entendendo muita coisa, mas não se preocupe, pois quem a escreveu sabe muito bem como ela vai terminar. Prepare a sua vida e seja uma casa de glória para o nosso Deus. Não olhe para o início, pois nele Deus ainda está trabalhando, olhe para o fim, pois lá a vitória já está garantida em Cristo Jesus. Fique na paz.